Esportividade, versatilidade e conforto em uma mesma moto, essa é a Suzuki GSX 650F – ou seria a Bandit com uma carenagem mais moderninha?

A motocicleta já esta no mercado desde 2009 e vem conquistando cada vez mais fãs, principalmente os da sua irmã “pelada” Bandit.O motor de 656 cm² refrigerado a liquido de 6 velocidades, gera 85 cavalos a 10.500 rpm e um torque de 6,27 kgfm a 8.900 rpm. Apesar dos números, é uma moto relativamente mansa para pilotar com uma boa ciclística, porém não deixa de esconder sua esportividade quando se exige um pouco mais do motor, mais precisamente depois dos 8.000 RPM, trazendo uma segurança muito maior na pilotagem, principalmente em viagens que  exige muitas ultrapassagens.Mesmo sem ABS os freios não deixaram a desejar, o sistema é composto por disco duplo flutuante de 310 milímetros na dianteira e um simples de 240 na traseira que possibilitam uma frenagem segura e eficiente.

A GSX 650F possui um painel muito completo e bonito, semelhante aos modelos esportivos da marca, com luz indicadora de rpm (shift-light) que acende ao atingir um rpm pré-estabelecido, além de tacômetro analógico, e um grande LCD digital com velocímetro, hodômetro, medidor de combustível, relógio, hodômetros parciais e de reserva de combustível e indicadores de marcha.O Design é tradicional e conservador, a frente lembra as antigas GSX-R dos anos de 2007/2008, com sua carenagem integral, e a traseira igual da Bandit 650, nada muito moderno. O escapamento também é igual da Bandit 650, um pouco defasado sem muitos detalhes. Por ser uma moto grande, ela se mostra bem imponente, com faróis que iluminam muito bem e transmitem segurança para condução e viagens noturnas.

Ao andar pela primeira vez na motocicleta, a impressão que se tem, é que ela é muito pesada, principalmente na hora de fazer curvas. Mera impressão. Não se deixe enganar pelos seus 241 kg, com a moto em movimento depois de um tempo, você consegue ter todo o domínio dela e percebe que ela é bem gostosa para fazer as curvas, a ciclística além de ultrapassada, ainda consegue proporcionar um bom desempenho, e o motor responde suave e redondo ao ser solicitado pelo piloto. Mesmo tentando extrair sua face mais “esportiva” ela é uma moto muito macia, apesar de não ter suspensões invertidas, ela tem uma excelente estabilidade, principalmente em altas velocidades, o que é mais um ponto positivo para a motocicleta.Na mesma linha, a Suzuki GSX 650F possui concorrentes no mercado, como a Yamaha XJ6F, Kawasaki ninja 650r e a CBR 600f, e a própria Bandit.

O seu grande atrativo perante as concorrentes, continua sendo o custo beneficio. O mercado ainda aguarda uma reformulação nos modelos Bandit e GSX 650F, e quem sabe um possível milagre que a J.Toledo Suzuki traga a GSX-R 600, a esportiva de entrada da marca que não é comercializada no Brasil. Já a nossa duvida no início do texto, bom, deixamos para você tirar suas conclusões.O preço sugerido é da Suzuki GSX-650F é de R$ 29.900, e está disponível nas cores: Preto, Branco e Azul. Gostou? Procure uma concessionária Suzuki mais próxima e vá fazer um Test-Drive.

Texto: Rodrigo Wood
Fotos: Rodrigo Wood / Renan Roberto

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>